Dr.

António Morais

Área de Diferenciação

Área de diferenciação

Urologia
Quarta-feira: 18:00 – 19:00 Quinta-feira: 18:00 – 19:00
Oncologia, Incontinência, Andrologia, Litíase.

Currículo Académico

Licenciado em 1985 em Medicina pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto.

É Assistente Hospitalar Graduado de Urologia no Instituto Português de Oncologia Francisco Gentil do Porto, E.P.E;

Foi também Assistente Eventual de Urologia nos Serviços de Urologia do Centro Hospitalar São João, E.P.E. e do IPO Porto.

Percurso Profissional

Estágios Clínicos:

  • Serviço de Urologia do Centro Hospitalar São João, E.P.E.

Filiações em Sociedades Científicas ou Associações:

  • Associação Portuguesa de Urologia (APU);
  • Sociedade Portuguesa de Andrologia;
  • Medicina Sexual e Reprodução (SPA).

Prémios:

  • Vencedor da Bolsa de Investigação APU/JABA RECORDATI 2012 no projecto de investigação “Definição do potencial oncogénico da sobre-expressão de GRPR em carcinomas da próstata positivos para rearranjos ERG e ETV1 e do seu papel como alvo terapêutico”.

Publicações:

  • “Aspetos sexuais em Oncologia Urológica”;
  • “Andrologia Prática” (Cap. XI: Andrologia e Oncologia Urológica. Dezembro, 1999).

Currículo Académico

Percurso Profissional

Licenciado em 1985 em Medicina pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto.

Estágios Clínicos:

  • Serviço de Urologia do Centro Hospitalar São João, E.P.E.

É Assistente Hospitalar Graduado de Urologia no Instituto Português de Oncologia Francisco Gentil do Porto, E.P.E;

Foi também Assistente Eventual de Urologia nos Serviços de Urologia do Centro Hospitalar São João, E.P.E. e do IPO Porto.

Filiações em Sociedades Científicas ou Associações:

  • Associação Portuguesa de Urologia (APU);
  • Sociedade Portuguesa de Andrologia;
  • Medicina Sexual e Reprodução (SPA).

Prémios:

  • Vencedor da Bolsa de Investigação APU/JABA RECORDATI 2012 no projecto de investigação “Definição do potencial oncogénico da sobre-expressão de GRPR em carcinomas da próstata positivos para rearranjos ERG e ETV1 e do seu papel como alvo terapêutico”.

Publicações:

  • “Aspetos sexuais em Oncologia Urológica”;
  • “Andrologia Prática” (Cap. XI: Andrologia e Oncologia Urológica. Dezembro, 1999).

X

Marcar Consulta

António Morais

Acordos e Convenções Relacionados

Ligue já

225 082 000

(Chamada para rede fixa nacional)

Dias úteis: 08h00 às 24h00

Ou deixe-nos o seu contacto
Nós ligamos para si